11 de fevereiro de 2020

Do Nativismo ao Fusion

Foto: Divulgação
Renato Borghetti é hoje um os instrumentistas mais conceituados e respeitados do Brasil .
Detentor do “Primeiro Disco de Ouro da Música Instrumental Brasileira” , se fossemos encontrar um rótulo ou classificação de sua obra , o instrumental do gaiteiro costuma entrar nos arquivos de música étnica ou até jazz fusion , mesmo tendo na essência ritmos como vanerão, chote, milonga e chamamé . A posição de Borghetti é bastante clara a este respeito :


“Minha música é regional gaúcha, é minha fonte e rumo, é a partir desta posição que desenvolvo meu trabalho”


Renato Borghetti é versátil, as formações musicais que o acompanham alternam entre Duos , Quartetos, Quintetos e Sextetos. Com a desenvoltura que abre sua gaita em um salão de baile ou CTG (onde começou) também circula com naturalidade em salas sofisticadas e festivais instrumentais. Neste show especial, em trio, Renato vem acompanhado de seu filho, Pedro Borghetti e Neuro Jr.

Nenhum comentário: