31 de março de 2014

Superfusa vem representando a região no 5° Pira Rural!!

Salve salve meu povo!!!!
O Festival se aproxima, e o ritmo vai aumentando...
Mais uma atração confirmada no Pira Rural 2014, a Superfusa vai representar a região no palco Ricas Abóboras!!!

Uma fusão de influências musicais. Assim é o som da Superfusa, banda formada na região central do Rio Grande do Sul. As atividades da banda tiveram início em 2010 e logo as gravações experimentais começaram a surgir e em pouco tempo as influências diversificadas se transformaram em composições próprias. Ao ouvir as músicas nota-se claramente as sonoridades que variam dos anos 70 até o rock contemporâneo. A fórmula: música do coração. "Retratamos em canções todos os nossos sentimentos e ideais."

Formada por Ediberto Patta na guitarra, vocal e composições, Jeancarlo Leismann nos teclados, contra-baixo e voz e DanielC. na bateria e voz. 
Em setembro de 2012, foi lançado o single “Abbey Road”, gravado e mixado em Sobradinho no JVM Estúdio e masterizado em Florianópolis/SC no Alécio Costa Estúdio. Em Janeiro de 2013 lançou um compacto com cinco músicas que está disponível pra download no TNB. 
O resultado deste projeto vem sendo apresentado nos diversos shows que a banda vem realizando pelo sul do Brasil e prepara o primeiro CD oficial que tem previsão de lançamento para segundo semestre de 2014.

Pra conhecer escutar, saber mais, ou baixar os sons, acessa aí:


A Páscoa se aproxima e no Pira Rural 2014 haverá até oficina pra matar a fome!!!

Bom dia gurizada!!

Mais uma semana se inicia, e vamos divulgando mais uma oficina que vai rolar por aqui na Páscoa!

Oficina Culinária Latina (Vegana).
Facilitador: Janaina Tasca e Juan Prado
Tempo de duração: 1 hora e meia
Numero de participantes: 20

A oficina terá três momentos:

  • Um debate sobre a culinária latina, suas origens, semelhanças e diferenças entre a maneira de cozinhar e ingredientes de diversos países;
  • Apresentação de patês e molhos típicos de alguns países, seguido da preparação de uma “feijoada” típica do caribe - a Bandeja Paisa - em uma versão vegana;
  • Finalizando com a degustação dos patês e molhos e do prato principal (Bandeja Paisa).

Durante toda a oficina estaremos visando um intercâmbio cultural, com o intuito de aproximar o povo latino através dos sentidos despertados pelas cores, aromas e sabores de sua rica culinária. 

29 de março de 2014

A bicharada continua solta!!! Sapo Jones e Coiote Bill estão voltando!

Foto: gente querida da cobertura colaborativa 2013
Da-lhe gurizada!!!
Seguindo os trabalhos, mais uma atração confirmada esse ano!

Sapo Jones e Coiote Bill é uma banda instrumental de rua, que surgiu em 2012 com seu inusitado palco itinerante. Tocando formato power-trio, levam para as ruas suas composições sempre carregadas de energia e improvisos. Seu som traz influências de Blues, Funk e Jazz, trabalhados para catalizar uma energia única do Rock'n'Roll.

No ano passado, eles fizeram um show surpresa em frente à cascata, fazendo literalmente rock n' roll no mato. A banda é composta por Tiago Vieira na mini-bateria, Daniel Mossi no baixo e Daniel Roitman na guitarra, e esse ano eles voltam pra sonorizar novamente a Cascatinha
Confiram abaixo um trechinho de como foi da última vez!!!


Pra saber mais da banda ou entrar em contato, acessa aí:


26 de março de 2014

ATENÇÃO - INGRESSOS ESGOTADOS!!!!


Pessoal, infelizmente viemos aqui pra anunciar que a venda de ingressos pro Pira Rural 2014 estão encerradas!!!

Os ingressos esgotaram-se!!!
Contamos com a colaboração de todos!!!

Abraço a todos!
Equipe Pira Rural

25 de março de 2014

ATENÇÃO - Informações sobre 2° lote de ingressos

Bom dia gurizada!!
Estamos aqui escrevendo pra deixar um recado pra todo mundo!!

Pra quem está enviando e-mail solicitando os dados de depósito pra compra de ingressos do 2° lote, esses e-mails serão respondidos a partir do fim da tarde de hoje, dia 25!!! Mas os depósitos só podem ser feitos no dia 26!!!

Depósitos feitos hoje serão descartados, e posteriormente devolvidos aos donos, que dessa forma estarão fora da disputa por ingressos!!!

Então fiquem calmos e não façam atropelos, ok?!

E quando os ingressos acabarem, iremos postar no nosso blog e no nosso facebook!
Acompanhem as informações, porque quando acabarem os ingressos, não adiantará efetuarem depósito ou tentar entrar em contato conosco, pois não vai rolar gurizada!!!

Os ingressos são limitados, assim como o espaço na Cascatinha!!!!

Contamos com a colaboração de todos!!!!
Abraço
Equipe Pira Rural

A Cascata do conhecimento: Oficina de Compostagem de Resíduos Orgânicos


Bom dia gurizada!!!

Mais uma oficina que vai rolar no Pira Rural esse ano, agregando conhecimento pra esse povo que vai estar lá aproveitando o feriadão de páscoa...


Oficina de Compostagem de Resíduos Orgânicos
Facilitador: Diego França
Duração: aproximadamente 1h

Conteúdo:
Compostagem e desperdício
Aproveitamento integral dos alimentos
Por que compostar
Separação do lixo
Métodos de compostagem
Relação C:N
O que compostar
Uso de resíduos triturados
Enriquecimento do composto
Como construir a composteira
Montagem da leira
Uso do composto
Dosagem do composto para o uso
Limitações da composteira
Aeração do composto
Vermicompostagem
Problemas freqüentes com a compostagem
Microorganismos eficientes
Adaptações da composteira

Objetivos
Ampliar os conhecimentos sobre o processo de compostagem de resíduos orgânicos;
Promover a replicação da prática de compostagem;
Religar o ser humano com os ciclos da natureza.

Metodologia
Inicialmente ocorrerá uma dinâmica de apresentação dos participantes; posterior a isso, será abordado de forma teórica os conteúdos pré estabelecidos para a oficina. O objetivo final será a confecção de uma composteira, a qual será utilizada no decorrer do festival.

Quantidade de participantes: Ilimitada

Se ficou interessado, se mantenha ligado nas nossas informações pra não perder! ;)


24 de março de 2014

A fonte da juventude trasborda, desce o rio e deságua sobre nós!!!

Salve salve gurizada!!!

Segunda-feira iniciando com mais uma atração confirmada para o Pira Rural 2014!!! Depois de uma belíssima apresentação no ano passado, a Saturno de José volta ao palco Ricas Abóboras para embalar e emocionar novamente o povo da cascata com suas belas canções.

Foto: Daiane Marcon
E a banda vem com um novo integrante. Desde o final de 2013, Daniel de Bem, Ivan Lemos, Hiozer Rezoi e Gibran Vargas contam com Laerte Ortega no comando das baquetas. 


A banda busca traduzir a música contemporânea da forma mais singular possível, mesclando as influências do passado, presente e futuro da música de forma independente.

Curtiu?! Então acessa aí e escuta o primeiro EP na íntegra e vai decorando as letras pra cantar junto na Páscoa!!! ;)


Para saber mais sobre a banda ou entrar em contato:



20 de março de 2014

Pássaros de papel voarão pela Cascatinha!!

Boa tarde pessoal!!!

Estamos aproveitando o fim de tarde desta quinta-feira cinzenta pra divulgar a primeira oficina que vai rolar no Pira Rural esse ano!! 

Oficina de Origami
Facilitador: Caroline Lazzari
Duração: Aproximadamente 1 mhora
Conteúdo: Dobradura de papel

Objetivos:
Desenvolver peças de Origami;
Visualizar e promover a arte oriental de dobrar papel.

Metodologia:
Anteriormente serão feitas inscrições de até 15 pessoas por grupo. A oficina pode ser aplicada em vários horários conforme interesse do Festival e de seus participantes.
A aula será iniciada com a apresentação do trabalho desenvolvido pela ministrante da oficina.Posteriormente serão fornecidas instruções sobre como montar peças de Origami onde os participantes poderão se utilizar da prática para elaborar o trabalho. Ao termino da oficina o material desenvolvido será disponibilizado para o público.
Os Origamis a serem desenvolvidos serão cinco, número que pode variar de acordo com o número de participantes e assimilação do trabalho pelo grupo.
Os cinco Origamis a serem desenvolvidos na Oficina serão:


Material utilizado: folhas de papel colorido gramatura 80, tesoura e cola.

Curtiram??!
Então se liga vivente e não perde!!!! ;)

18 de março de 2014

Uma intervenção realista fantástica!!! Vai perder essa??!!

Boa tarde piraruralenses!!!!

Esse ano tem coisa nova pra rolar na Cascatinha, no 5° Pira Rural!!!
O “Incógnito” é um grupo de teatro de Caxias do Sul, formado por uma trupe de artistas com o intuito de experienciar histórias através de pesquisas cênicas que visam o encontro de técnicas, como teatro, dança, música, circo, poesia e etc. O grupo busca agrupar ideias, críticas, pensamentos e conhecimentos afim de criar transversalidades na construção artística, transformando assim os processos vivenciados pela trupe um cerne para a criação cênica.

Apnéia (in)Máscara” surge como um dos resultados destas investigações. Em formato de intervenção realista fantástica, traz no enredo ideias de relações humanas da sociedade contemporânea que vêm ao encontro dos valores agregados aos meios de dominação social.  

No elenco: Ana Langone, Cínthia Pretz, Diego Lima, Dinarte Paz,  Paulo Alberto Farias, Samuel Oliva e Saimon Fortuna. Músicos convidados: César Augusto Paim, Marielle Costa e Sandra Kuwer. Direção: Maysa Stedile

E quem quiser entrar em contato, fala aí com a Cinthia Benites Pretz: (54) 9155-2662!!!

17 de março de 2014

Na páscoa a Cascatinha volta a ser o Centro da Terra

Buenas gurizada medonha!!!

Seguindo nas atrações do Pira Rural 2014, vem mais um retorno em grande estilo por aí...
Depois de participar do Psicodália esse ano, a Centro da Terra voltará com tudo pra fazer novamente o seu ritual elétrico no Cascatinha. E quem já viu ao vivo, sabe que é de incendiar o público mesmo!!!

O trio tem o intuito de trazer à tona a espiritualidade e elevar o ser à paz e ao amor, através da música e da poesia, buscando também reviver bandas e músicos já esquecidos por muitos com improvisos, versões e releituras inovadoras.


A banda é formada por Guilherme Pala na bateria, Fred Pala na guitarra e voz, e Zeca Mustang no baixo e voz. Pra conhecer mais, acesse:

http://centro-da-terra.wix.com/centrodaterra

Contatos:
centrodaterrapowertrio@hotmail.com
Frederico Pala (17) 99745-7535
Guilherme Pala (17) 99745-0154



14 de março de 2014

Um Bando que vem da Capital pra tomar de assalto a Cascatinha!!

Salve amiguinhos!!!

Retomando as atividades de divulgação de bandas do Pira Rural 2014, vem mais chumbo grosso por aí!!!
Das ruas de Porto Alegre direto pras Ricas Abóboras, o Bando Antiguera é mais uma banda que vem conhecer a Cascatinha esse ano.

O Bando Antiguera fez sua primeira apresentação em agosto de 2012. O grupo nasceu a partir da proposta de quatro amigos para tocar temas tradicionais do jazz em um palco nada convencional para o gênero, ao menos no Brasil: a rua. A partir de então, Márcio Fulber (washboard, guitalelê, harmônica, trompete-pet e vocal), José Baronio (contrabaixo acústico e vocal), Ronaldo Pereira (saxofones alto, tenor e vocal) e Fausto Martins (violão, banjo e vocal) tem se apresentado, além da rua, nos palcos de Porto Alegre e região metropolitana, assim como participado de festivais. 

Bando Antiguera fazendo bonito no Rio de Janeiro!!
O Bando Antiguera traz em sua sonoridade influências do Dixieland, considerado um dos primeiros sub-gêneros do jazz, oriundo de New Orleans, onde os instrumentos de sopro conversam entre si através do contraponto. Outra influência para o grupo é o Gypsy Jazz, que tem como principal característica o violão fazendo o papel de solista. Adaptando-se as características destes estilos ao formato do Bando Antiguera, ora com o violão solando, ora com o trompete-pet (uma garrafa de plástico cortada com um pedaço de sacola no bocal, que imita o som do trompete através do solvejo) solando junto com o saxofone, tem-se um conjunto de formação única e sonoridade original.

Em 2012, o Bando Antiguera conquistou o prêmio de melhor composição no Festival de Música de Novo Hamburgo/RS com a música "Andando Por Aí" e Fausto Martins, o prêmio de melhor instrumentista.
Em 2013, com a música "Banzo", foi a grande vencedora do WebFestValda, o maior festival de música independente do Brasil, que contou com mais de 1.100 bandas inscritas. As 24 bandas finalistas se apresentaram no Circo Voador (Rio de Janeiro), um dos principais palcos do país e o evento, que também foi transmitido via internet, atingiu mais de 1 milhão de espectadores espalhados pelo globo. 


Hoje fazem parte do Bando Antiguera:
Márcio Fulber: washboard, guitalelê, harmônica, trompete-pet e vocal
José Baronio: contrabaixo acústico e vocal
Ronaldo Pereira: saxofones alto, tenor e vocal.
Fausto Martins: Violão.

Pra conhecer mais sobre o Bando, acesse aí:
http://www.facebook.com/BandoAntiguera
http://www.bandoantiguera.com.br

E pra quem quer ouvir mais, saca aí:


13 de março de 2014

Ingressos do 1° lote esgotados!!


Pessoal, tem uma penca de gente enviando e-mails pra comprar ingresso nesse momento!!!
Eles se esgotaram!!!

Quem por acaso não viu a notícia nas redes sociais (alguém não?!), fica aqui o aviso!!!
Eles esgotaram terça-feira à tarde, uma dia e meio depois do início das vendas...



Foi muito rápido, surpreendeu todo mundo, inclusive a gente!!
Falha nossa não ter postado aqui no site antes, mas agora ta dado o recado!!

Quem quiser comprar o segundo lote, somente a partir do dia 26/03!!!
Não adianta enviar e-mail antes ou querer depositar antes!!! Se isso ocorrer, iremos descartar o depósito, e depois devolver o dinheiro, sem direito a ingresso!!! Não vale tentar ser malandro nessa hora galera!!!

Lembrando que o segundo lote começa dia 26/03, custando R$ 60,00 reais.
Quem quiser, tem que enviar e-mail solicitando os dados pra depósito!! MAS não adianta enviar e-mail hoje. E-mails de antes do dia 25 pedindo dados pra depósito refente à ingressos do segundo lote serão descartados!!!



Colaborem aí pessoal!!!!
Abraço


Equipe Pira Rural


8 de março de 2014

Da sul do mundo direto pra Cascata, Célula Soul!!!



Daaa-lhe!!
Depois da calmaria, é hora de um petardo sonoro, afinal de contas, o sabadão não é só pra ficar deitado no sofá relaxando!!! ;)


E sendo assim, os ventos do sul do mundo sempre trazer junto algo novo pra ir de encontro à Cascata...

Dualidade sonora na célula da alma, espíritos livres mergulhados em energia. Simplicidade musical!

A Célula Soul é um duo rock (bateria/guitarra), formada em Pelotas-RS, no mês de maio/2013. Dois irmãos que já tocam juntos (em outras bandas)  + ou - 15 anos. O som é uma mistura de tudo que a gente ouve, principalmente dentro do rock'n roll, mais específicos as décadas de 70 e 90. Mas pelo formato 'dupla' da pra sentir bem a identidade criada pela banda.



Defenestrantes vem abrir as janelas da Cascatinha, e corações serão jogados sobre todos!

Saaaalve amiguinhos!!!
As vendas de ingressos estão quaaaase iniciando, e já notamos um nervosismo no povo!!! :)
Pra acalmar os ânimos, vamos apresentar mais uma banda que vem conhecer a Cascatinha!

A Defenestrantes é uma banda que tem lá suas peculiaridades. Surgiu no ano 2009, na cidade de Esteio, Rio Grande do Sul, quando todos os seus então integrantes ainda estavam no colégio.

Desde o surgimento a banda se deixa contagiar tanto pela ruralidade do plano de fundo de onde está situada quanto pelos não pouco diversos gêneros musicais nos quais seus integrantes buscam inspirações. A banda não se ofende com a classificação de folk rock, mas, pessoalmente, acho que eles já a transcenderam há algum tempo. Bebendo tanto na sonoridade do folclore platino e europeu quanto no rock n' blues, a banda também conta com uma grande brasilidade que perpassa inclusive as canções em língua inglesa e francesa.

No ano de 2012, dois dos integrantes da formação original ingressam no curso de Produção Fonográfica da UNISINOS, coordenado pelo músico Frank Jorge. Lá, além de cativarem o coordenador, que virou parceiro da banda, foi onde conheceram e recrutaram seu atual baixista.


Uma das características que contribui para a peculiaridade e originalidade da banda é a constante troca de instrumentos em palco. Além dos clássicos baixo, guitarra, bateria e violão, também passam pelo palco um banjo americano, ukulele, metalofone, acordeon, washboard, tompete e até um megafone.

A convite de Frank Jorge, a Defenestrantes tocou, em 2012, na abertura de seu show solo no Ocidente Acústico. Também fez passagens por outras emblemáticas partes do circuito independente do estado, como o Rock na Praça, em Esteio e a Segunda Maluca no Opinião.

No primeiro semestre de 2013, a banda entrava em estúdio a convite da gravadora experimental Sigmund Records para produzir seu primeiro single, "É O Que Ela Diz". A captação, mixagem e masterização foram feitas no estúdio Tec Áudio, em Porto Alegre. A música contou com a participação do trompetista Ruan Luiz, da banda Améllian, e foi selecionada para participar da trilha sonora da mini-série independente "Toda a Vez que Dizemos Adeus".

*Release escrito por Luiza Girardello.

Então enquanto a páscoa não chega, senta aí e curte o som!!

6 de março de 2014

Semana é de retorno, então vem mais um aí!! Vãn Züllatt outra vez na Cascatinha!!!!

Voltando com força total essa semana, vamos com mais uma banda hoje!!!
A Vãn Züllatt volta à Cascatinha pra mostrar o força e a loucura do música instrumental do sul do RS.

O grupo de música instrumental Vãn Züllatt (pronuncia-se Vãn Zila) fez sua estreia nos palcos abrindo o 2º Festival das Artes Psicodélicas, realizado em Março de 2005 em Pelotas, ao lado de grandes nomes da cena musical gaúcha como Carlo Pianta e Pata de Elefante entre outros. Desde então a proposta do grupo, no que tange a esfera musical, é a experimentação sonora por meio da fusão total de ritmos e sonoridades da musica universal. 

O grupo tem como núcleo Marcelo Silva que além de baterista e força motriz do Vãn Züllatt é o principal compositor e arranjador. Silva é sociólogo e responsável pelo direcionamento musical e conceitual do grupo. 

Foto: Danusa Lazzari
O repertório, puramente instrumental, deu origem a dois álbuns disponibilizados desde o lançamento de forma gratuita na internet. O primeiro, O Casulo (2008), registra a fase inicial. Gravado de forma precária pelo grupo em seu próprio local de ensaios, o álbum apresenta o momento inicial e mais experimental do Vãn Züllatt com uma sonoridade que mistura a variedade rítmica da música brasileira com as cores e timbres do rock setentista. O segundo álbum, Betelgeuse (2011), traz um lado mais conceitual e progressivo da banda mas, ainda assim, mantendo o pé na música brasileira. 

Em seu time Marcelo Silva conta com Jonatã Müller na guitarra, Gabriel Mattos no baixo elétrico e Cleber Vaz como multi instrumentista. Müller é, além de físico, técnico em eletrônica e principal responsável pela sonoridade do grupo ao projetar e construir os sintetizadores analógicos e demais aparatos eletrônicos que definem o som do quarteto em termos timbrais. Mattos além de baixista e ritmista também é o termômetro do humor e astral do grupo. Vaz, multi instrumentista (teclados, guitarra, flauta e sax), colabora com Marcelo Silva nas composições e é responsável pela produção do álbum Betelgeuse.  

Betelgeuse não só apresenta um trabalho diferente do primeiro álbum mas também conta com as participações especiais dos grandes amigos e excepcionais músicos Douglas Osinaga e Eugênio Bassi. Osinaga, que é o nome da guitarra em Pelotas, colore o segundo álbum arranjando e tocando guitarra na faixa de abertura, Contatos. Bassi, expoente da música na região sul do estado, é compositor, arranjador e produtor. A suíte Seis Níveis de Criogenia, segunda faixa de Betelgeuse, é basicamente um diálogo composicional entre Eugênio e o grupo Vãn Züllatt. Além de participar da gravação do álbum em 2011, Eugênio Bassi brilhou com sua guitarra, percussão e voz no palco da 3ª edição do festival Pira Rural em 2012 para o qual Vãn Züllatt foi a primeira atração confirmada. 


Atualmente o grupo trabalha na produção do terceiro álbum com finalização prevista para o segundo semestre de 2013

Mais sobre Vãn Züllatt: 

cucastortas volta a se juntar às Ricas Abóboras no Pira Rural!


Saaaaaalve amiguinhos!!!

Depois de uma pausa pro carnaval, voltamos com tudo pros trabalhos pira ruralísticos!!!

E pra voltarmos em grande estilo, que também está voltando pra Cascatinha é a banda cucastortas...

Os cucastortas fazem um som degenerado. A presença de movimento é sua marca principal, a química de estilos latinos, brasileiros e gaúchos com o experimentalismo musical dos anos 60 e 70 resulta em arranjos diferenciados e letras com temas sociais pertinentes.

cucastortas em ação no Pira 2012. Foto: Danusa Lazzari

Depois de mudar alguns ingrediente da sua receita, o cucastortas vem com alguns integrantes novos pra botar o povo da cascata pra pular novamente com suas canções!

Pra quem quer saber mais sobre a banda:
celular: 54 9144 4506 / 9147 4542