31 de janeiro de 2019

Rinoceronte

A Rinoceronte, banda autoral criada em novembro de 2007 em Santa Maria/RS, é integrada por Paulo Noronha (voz e guitarra), Vinícius Brum (baixo e voz) e Luiz Henrique Alemão (bateria). Contando com a clássica formação em trio que constitui o imaginário elementar do rock n’roll, a Rinoceronte tem uma sonoridade robusta que orbita em torno do stoner rock e suas variações, absorvendo também influências da psicodelia, do blues e do hard rock setentista.
Foto: Stéphanie Chauvin.
As composições em português garantem a particularidade da Rinoceronte em meio a predominância da língua inglesa no universo do stoner rock brasileiro, sublinhada pela clareza das letras e pela recusa aos clichês do gênero.
Após um hiato de dois anos, o trio se junta outra vez e além de reestreiar ao vivo em casa e retomar uma agenda de apresentações na região sul, vem trabalhando intensamente em material novo, partindo de dois singles que darão start no novo disco completo, ainda sem data de lançamento definida.
E na páscoa, o petardo sonoro está de volta à Cascatinha comemorando conosco a décima edição do Pira Rural.

Facebook | www.facebook.com/rinoceronte
Youtube | www.youtube.com/rinoceronterock
Soundcloud | www.soundcloud.com/rinoceronte
Clipe: Anda no Ar | http://www.youtube.com/watch?v=kZ3S7I541W0
Clipe: Qualquer Lugar | http://www.youtube.com/watch?v=kZ3S7I541W0
Clipe: O Instinto | http://www.youtube.com/watch?v=HSIOz46QrQQ
Audiovisual: Rinoceronte no Uruguay | http://www.youtube.com/watch?v=3bnrjB7BHUA
Rinoceronte na Guitar Player | http://guitarplayer.uol.com.br/?area=materia&colid=4&matid=3034

Cuscobayo




Foto: Leonardo Ferrolho.
Em suas andanças, ensaios e bailongos entre Caxias do Sul e Porto Alegre, a Cuscobayo acabou descobrindo e descortinando o próprio sul da América através de um som e de uma postura que o representam com espírito livre e brutal honestidade. Barrillete cosmico descendo a Serra, rumo aos confins da planície, do charco e da Cordilheira. De peito aberto para o campo, o Prata e a cidade, apropriando-se de uma cultura que é nossa, que depende deste chão que é vasto e se expande – cultura diversificada e mutante que vagueia sem passaporte, ignorando territórios nacionais. Vamos fazer a faxina que a cidade é nossa. A cidade, neste caso, é o próprio continente.

Atualmente a banda trabalha no seu 2º disco, que será lançado pelo Natura Musical. Apontada pela crítica como uma das novas caras da música gaúcha e brasileira, pretende consolidar o estilo Chegueden rompendo e unindo as fronteiras da América Latina e do Globo.

Andei Muito’, single (2017) | https://www.youtube.com/watch?v=5cGhJssksgQ
‘Ô, Vagabundo’ ao vivo no Opinião (maio, 2017) | https://www.youtube.com/watch?v=yjWMSiBwUBg
‘Dakar’ lyric-video (dezembro, 2015) | https://www.youtube.com/watch?v=zD2MgTLz-Vw
‘Cuscobayo’ full álbum (março, 2016) | https://www.youtube.com/watch?v=ws-kae7wjDI
‘Na Cancha’ EP (outubro/2013) | https://www.youtube.com/watch?v=GWF6h3gwop4
Cusco Na Baia doc + show (julho, 2016) | https://www.youtube.com/watch?v=38UgBOItVkg
CXS 360 session + entrevista (junho, 2016) | https://www.youtube.com/watch?v=iAXyDLZdFzI



30 de janeiro de 2019

Quarto Ácido

Formado em Panambi, noroeste do RS, o trio instrumental Quarto Ácido busca inspiração tanto no rock dos anos 1970, quanto no stoner das últimas décadas, além de promover um flerte com o post-rock. Soma-se a essa influência a união entre timbres pesados e o rock psicodélico. A atual formação conta com Pedro Paulo Rodrigues (guitarra), Alex Przyczynski (bateria) e Vinícius Brum (baixo).

Foto: Renan Casarin.
Com dois EPs (2013 e 2014) e um LP (2017) no currículo, a Quarto Ácido já incursionou por importantes festivais de música autoral no Brasil. Em 2014, “Euphrates”, um dos temas da banda, integrou a trilha sonora do programa Rota Explosiva da MTV. No ano seguinte lançou “33”, single que se tornou o primeiro videoclipe do trio, lançado em homenagem póstuma ao baixista Flávio Mecking, integrante falecido em 2015, e que gravou sua última participação nessa faixa.

Em 2016, a dupla remanescente convida Vinícius Brum (Rinoceronte) para assumir o baixo, e em 2017, grava o álbum instrumental "Paisagens e Delírios" - lançado pela Abraxas Records - CD independente materializado via campanha de financiamento coletivo. Na estrada em 2018, a banda abriu um dos shows do power trio alemão Kadavar no Brasil e acompanhou os norte-americanos da Radio Moscow em 3 shows da turnê brasileira.

Para a décima edição do Pira Rural, a Quarto Ácido está preparando um show inédito que contará com participações especiais! Vai perder?!

Facebook QA | Instagram QA | Youtube QA | Spotify QA

Informações de editais >> voluntários | oficinas | intervenções | cobertura | banquinha

Salve, salve, amiguinhos!!

Seguindo o baile da Cascatinha, tá chegando a hora dos demais editais do Festival. Após bandas e excursões, vamos pros próximos!

Abertura:
04/FEV 12h00m

Quais?
- voluntários
- oficinas
- intervenções artísticas
- cobertura
- banquinha

Prazo:
18/FEV 11h59m

Basta acessar o menu EDITAIS aqui no nosso site, e escolher a inscrição correspondente. Mostra aí o que tu quer apresentar na décima edição do Pira!! Compartilhem e avisem todo mundo aí! :)
Festival Pira Rural
Coletivo Clube Mundo

25 de janeiro de 2019

Zuli

Foto: Rodrigo Ricordi. Desenhos: Paulo Chagas.
Figura atuante desde 2005 no cotidiano cultural de Santa Maria, Zuli é um dos talentos mais inquietos da música independente atual na cidade. Integrante fundador da banda Geringonça, é cantor, compositor e multi-instrumentista.
Também escreve, produz e grava trilhas sonoras para teatro, somando quase 10 produções, desde 2011. Sua paixão pela composição fez urgente a necessidade de gravar seu primeiro disco autoral.
Apesar desse mundo chega no início de 2019 trazendo um repertório inédito e um novo olhar do compositor sobre sua própria música. 

Apesar desse mundo, um disco. 
Um disco diferente de tudo que Zuli já fez musicalmente. Os 11 temas trazem pianos e sintetizadores como chefes de uma sonoridade que, ao mesmo tempo, é moderna e recortada mas também tradicional e cancioneira. O baixo e a bateria somam-se trazendo peso e ainda mais elementos inusitados para a fórmula.
O trio Zuli, Rodrigo e Bruno passeia por diversos estilos sempre com muita criatividade e desconstrução. Nesse fluxo de ritmos transgredidos, o samba pode ganhar um acento inesperado, um baião pode ser tomado por sintetizadores e loops e uma balada pode ser conduzida por uma batida híbrida de bateria e beat eletrônico.
Apesar desse mundo é resultado de dois anos de pesquisa, prática e composição, onde Zuli apresenta a sua música mais recente, íntima e sincera em forma de disco e show.


Single:

APESAR DESSE MUNDO - ficha técnica
Produzido por Adriano Zuli, Bruno Sesti e Rodrigo Cassuli
Captado no Estúdio Caixa de Sons, por Vinícius Bertolo 
Mixagem e masterização: Bruno Sesti  
Fotos: Rodrigo Ricordi
Desenhos: Paulo Chagas  
Arte: Diego de Grandi 
Produção executiva: Adriano Zuli  

Excursões habilitadas para o Pira Rural 2019!

Salve amiguinhos!

Aí estão as excursões habilitadas a virem ao Pira Rural 2019. Logo mais postaremos no link das Excursões com mais infos para contato. :)

CibsTrada - Porto Alegre/RS
Organizadora: Cibele Scherer

Trip da Alegria - Porto Alegre/RS
Organizadora: Sabrina Endres

Piradancers - Porto Alegre/RS
Organizadora: Gabriela Verrastro Brack

Pé Inchado Tour - Pelotas/RS
Organizador: Bruno Añaña

Papagaio de Toda Cor - Caxias do Sul/RS
Organizadora: Daiana Severo Fetter

Pira Rural Aí Vamos Nós - Bento Gonçalves/RS
Organizador: William Costa Monteiro

Cheech & Chong (Só no Tchut-Tchut-Tchut) - Cachoeira do Sul/RS
Organizadores: Ezequiel Lopes, Henrique Wilhelm

Road House SM Tour - Santa Maria/RS 
Organizadora: Thiene Colombo Leão

Van Filosofia - Santa Cruz do Sul/RS
Organizadores: Dener Borba, Diuli Zaikoski, Rodrigo Kämpf

Viajando com o Rasta - Porto Alegre/RS
Organizador: Maurício Ariza

PIRAmbulantes - São Sepé/RS
Organizador: Guilherme Posser

Curitiba/PR
Organizadora: Adriana Hote Pfeiffer


23 de janeiro de 2019

Ricardo Vignini

Viola de Lata é o 15° álbum do violeiro Ricardo Vignini e seu 3° solo, totalmente dedicado a violas dinâmicas, com 11 faixas próprias e uma versão para Rio de Lágrimas (Tião Carreiro, Lourival dos Santos e Piraci) com influências de música caipira, nordestina, folk, rock e blues.

Foto: Marcelo Macaue.
Os instrumentos ressonadores foram criados no final da década de 30 nos EUA antes de existir amplificação eram instrumentos que tinham muito volume no Brasil a Del Vecchio criou o violão dinâmico posteriormente, violas, bandolins, o violão tenor e cavaco, instrumentos comuns no choro, música nordestina e caipira.

Ricardo Vignini faz parte do duo de violas caipiras Moda de Rock que faz releituras de clássicos do rock, membro fundador do Matuto Moderno que completa 20 anos em 2019, tocou também com Lenine, Zé Geraldo, Guarabyra, Tavito, Tuia, Renato Teixeira, Índio Cachoeira, Socorro Lira, Katya Teixeira, Pepeu Gomes, Robertinho de Recife, Kiko Loureiro, Andreas Kisser, Edgard Scandurra, Marcos Suzano.

E nessa páscoa, finalmente, estará na Cascatinha!!!

Do Ferro ao Pó | https://youtu.be/MJVO9l9zxrU
Adaga de Prata

Cadastro de excursões encerrado!!

Olá amiguinhos!

Já ultrapassamos o limite de ingressos disponíveis para excursões, então as inscrições estão encerradas!! Iremos definir o rateamento dos ingressos, e entraremos em contato com cada excursão inscrita.

Abraço a todos!
Festival Pira Rural

Cadastro de excursões rolando logo mais!

Olá amiguinhos!!

Fiquem atentos, porque logo mais, ao meio-dia, abrem as inscrições para as excursões interessadas em vir ao 10° Festival Pira Rural.

Lembrando que o número de ingressos solicitados pelas excursões será avaliado de acordo a tornar viável a maioria das excursões, assim como pelo histórico de cada uma junto ao Festival, valendo para essa avaliação, a ordem de inscrição das excursões.

As demais explicações estão no menu EXCURSÕES no nosso site, e o link para acesso do formulário é esse abaixo.

---------------------------------------------------------------------------------
CADASTRO DE EXCURSÕES
---------------------------------------------------------------------------------


Festival Pira Rural
Coletivo Clube Mundo

22 de janeiro de 2019

Pata de Elefante

Em 16 anos (2002-2018), a Pata de Elefante lançou quatro discos, tocou em diversos lugares do Brasil, ganhou prêmios como VMB 2009 (MTV) - Melhor Banda Instrumental - e Açorianos em 2005 e 2011 - Revelação e Melhor Disco Instrumental, respectivamente -, participou de projetos e editais, teve músicas incluídas em trilhas sonoras de filmes e conquistou público e crítica com a força de sua música.

A Pata de Elefante levou seu rock instrumental para um público acostumado a ouvir música com vocal e se tornou referência entre as bandas instrumentais brasileiras que surgiram na primeira década do século 21.      

Trajetória 
A Pata de Elefante surgiu em janeiro de 2002, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul. O primeiro disco, "Pata de Elefante", foi lançado em dezembro de 2004 pela  Monstro Discos. A partir deste momento, o grupo passou a se apresentar nos principais festivais de rock no Brasil, como Goiânia Noise (2004, 2006 e 2007) e Abril Pro Rock (2008). Por este Cd, ganhou o Prêmio Açorianos de Música 2005 de Porto Alegre. Na revista Bravo, em resenha veiculada em julho de 2005, o trabalho da Pata de Elefante recebeu um elogio de peso: "a música instrumental brasileira tem salvação". 

Em 2007, foi selecionada no edital Rumos Itaú Cultural (2007-2009), que funciona como uma espécie de mapeamento da música brasileira. No fim do ano, lançou o segundo Cd, "Um olho no fósforo, outro na fagulha". Em janeiro de 2009, "Um olho no fósforo, outro na fagulha" ficou entre os 25 melhores discos de 2008, segundo a lista da revista Rolling Stone.

Em outubro de 2009, a Pata de Elefante ganhou o VMB (MTV), na categoria Melhor Banda Instrumental. 

Em abril de 2010, a banda disponibilizou seu terceiro disco, Na Cidade, pelo selo Trama. Na Cidade foi produzido por Júlio Porto, mixado por Beto Machado e gravado nos Estúdios Trama, em São Paulo. A masterização foi realizada nos Estúdios de Abbey Road, em Londres, por Steve Rooke, que remasterizou alguns dos discos dos Beatles.  O jornal Zero Hora (Porto Alegre) destacou o disco entre as produções de artistas gaúchos em 2010.
    
No Prêmio Açorianos de Música de Porto Alegre 2011 o álbum Na Cidade  foi escolhido o Melhor Disco Instrumental.  
     
Em fevereiro de 2014, foi lançado o disco Julio Rizzo e Pata de Elefante, com Julio Rizzo no trombone, Luciano Leães nos teclados, Edu Meirelles no baixo, Gustavo Telles na bateria e Daniel Mossmann e  Gabriel Guedes nas guitarras.    

Atualmente a banda está em fase final de produção do seu próximo disco.

Ao Vivo no Bar Ocidente, Porto Alegre, Out'16

Clipe “Um Olho No Fósforo, Outro Na Fagulha

Trabalhos Espaciais Manuais

Foto: Vitória Proença.
É uma pequena orquestra de música popular que surgiu em Porto Alegre, sul do Brasil.

A banda desenvolve sua sonoridade através do formato Baile-Show, onde estilos como o samba, o funk, jazz e o rock são misturados em uma atmosfera dançante em que é impossível ficar parado.

Em 2019 a TEM já é presença confirmada no festival Psicodália e agora nas comemorações de 10 anos do Pira Rural.

Links:
Manobra de Dobra em Urano | https://www.youtube.com/watch?v=dPZgK6lYjZY
TEM'18 Noite de amor na jamaica | https://www.youtube.com/watch?v=amFW2Wfmtcc

16 de janeiro de 2019

Ingressos online disponíveis logo mais

Olá amiguinhos!!

Passando para lembrar que logo mais, às 20 horas, os ingressos online pro Pira Rural 2019 estarão disponíveis para venda.

Acessem o link abaixo e vejam como proceder.

Não marquem bobeira!!
Boa sorte a todos!

Festival Pira Rural
Coletivo Clube Mundo

15 de janeiro de 2019

Excursões para o Pira Rural 2019

Salve, salve, amiguinhos!!
Estamos passando para falar sobre excursões para o Pira Rural 2019. Leiam atentamente!

Excursões

Assim como tem acontecido nos últimos anos, parte dos ingressos será comercializado atrelado às excursões, que devem estar previamente cadastradas e aprovadas pelo Festival.

Os ingressos avulsos, já disponíveis, estão sendo comercializados através da plataforma Sympla, e alguns poucos serão vendidos aqui em nossa cidade diretamente em mãos (posteriormente).

Basicamente o processo de venda é o mesmo dos últimos anos, sendo que a única diferença é que adiantamos a venda de ingressos avulsos.

Informações detalhadas no menu EXCURSÕES.

Valor do ingresso
  • R$ 150,00 reais, preço único.

Data de cadastro de excursões
  • Dia 23 de janeiro, abrindo meio dia em ponto.
  • As excursões serão selecionadas, na ordem de inscrição, até ser atingido o limite de ingressos disponíveis para as mesmas, como temos feito nos últimos dois anos.

Data de divulgação das excursões habilitadas
  • Dia 24 de janeiro, às 20 horas.

Data de venda de ingressos
  • Assim que forem divulgadas as excursões habilitadas.
  • Após confirmação com cada organizador, elas serão divulgadas ao público na data acima.

Para ser considerada excursão
  • Mínimo 10 pessoas em um único veículo.

Festival Pira Rural
Coletivo Clube Mundo

14 de janeiro de 2019

Edital de bandas para o Pira 2019 no ar!

Saaalve, salve, amiguinhos!!!

Está disponível o edital de bandas/artistas para inscrição de interessados em participar da décima edição do Festival Pira Rural.

O edital fica aberto até às 23h59m do dia 29 de janeiro.

Acessem e confiram as informações no link abaixo. :)

Link: https://goo.gl/JRk4Gz.

Festival Pira Rural

11 de janeiro de 2019

Sobre ingressos avulsos


Salve, salve, amiguinhos!!

Como vocês tem acompanhado e puderam perceber, esse ano adiantamos um pouco as datas referentes à venda de ingressos.

Diferente dos anos anteriores, começaremos a venda de ingressos avulsos de forma online antes dos ingressos das excursões.

O objetivo é facilitar a compra, uma vez que esses ingressos, vendidos através da plataforma Sympla, podem ser adquiridos de forma parcelada.

Além disso, quem compra ingresso avulso ainda pode vir para o Festival junto de alguma excursão, enquanto os ingressos vendidos de forma conjunta com as excursões estão necessariamente atrelados ao lugar na excursão.

Explicado isso, o funcionamento das vendas e das excursões segue o mesmo dos anos anteriores. Mudamos apenas a ordem das vendas.

Sobre excursões, explicaremos melhor em outro post, mas segue a mesma lógica já adotada: abriremos inscrições, aprovaremos, e após iremos anunciar as excursões habilitadas, que terão cada uma um determinado número de ingressos disponíveis para vender, juntamente com o respectivo lugar na excursão.

Então fiquem atentos, que em breve rola o edital de excursões.

Enquanto isso, interessados em garantir o seu ingresso ou comprar de forma parcelada pra facilitar o orçamento, fiquem atentos às datas!

Valor do ingresso:
R$ 150,00

Abertura das vendas dos ingressos avulsos online:
16/JAN 20h

Onde comprar:
https://www.sympla.com.br/festival-pira-rural-2019__431472


Festival Pira Rural
Coletivo Clube Mundo

10 de janeiro de 2019

Edital para bandas - data de abertura e prazo para inscrições

Salve, saaalve, amiguinhos!!!

Passando para dar aquele lembrada esperta! O edital para bandas/artistas interessados em participar da décima edição do Pira Rural abre em poucos dias.

Compartilhem a notícia e avisem os amigos!! :)

Edital para bandas/artistas:

Abertura:
14 de janeiro, 12h00, aqui no site.

Prazo final:
29 de janeiro, 23h59m.

Por hoje é tudo pessoal! ;)
Festival Pira Rural

9 de janeiro de 2019

Pira Rural 2019 - Informações importantes!

Salve, salve, amiguinhos!!!

Informações importantes rolando sobre a décima edição do Pira Rural!! Confere aí e fica ligado!
Já temos definição sobre o valor dos ingressos, e algumas datas:

  • Valor do ingresso: R$ 150,00.
  • 14/JAN - Abertura edital para bandas/artistas.
  • 16/JAN - Início vendas ingressos on-line no sympla.
  • 23/JAN - Abertura inscrição para excursões.

Por hora, fiquem atentos às datas.
Nos próximos dias faremos posts específicos com explicações detalhadas sobre cada um desses itens. Por hoje é tudo pessoal! :)


7 de janeiro de 2019

E começou: a décima edição do Pira Rural vem aí!!


Saaaaalve, salve, amiguinhos!!

E começou oficialmente a produção da Pira Rural 2019!! Essa que vai ser a décima edição do nosso Festival.

Passando aqui só pra avisar que muito em breve (duas semanas no máximo) iremos começar a venda de ingressos avulsos online, pra facilitar a vida da galera que quer vir mais tranquila na Páscoa.

Em breve saem informações sobre as primeiras atrações, a data de início da venda desses ingressos avulsos, editais, e outras informações mais.

Fiquem ligados!!
Grande abraço à todos e que 2019 comece com tudo!! :)