11 de abril de 2019

Márcio Fulber & Bando

Foto: Mauricio Fulber.
Dixieland é o nome do primeiro subgênero de Jazz, surgido em New Orleans no início dos anos 20, e é essa a sonoridade que Márcio Fulber & Bando vão utilizar para contar “A Saga do Artista de Rua”. Trabalho autoral inédito que conta a história de um músico que decidiu largar sua vida cotidiana para pegar a estrada em busca de novas vivências e aprendizados.

Sendo o Chapéu o personagem principal dessa história, ele representa a troca, a conexão e a liberdade que a arte traz onde quer que esteja, além de permitir a reflexão acerca da valorização que damos à arte, e sua presença nos espaços públicos.

Nessa páscoa, irão compor a trilha sonora do Festival junto à Cascatinha! :)



Nenhum comentário: